Viagem Interior  Pager

  0 Ponto Quatorze

O Ponto Quatorze tem um nome estranho, a Temperança.
O Ponto Quatorze não é feito de palavras, mas de imagens.
Esse nome é pouco significativo.
A imagem mostra um anjo, derramando o conteúdo de uma jarra em uma outra. A jarra é pequena, mas a água continua a jorrar sem limite, nunca se esvazia.
Essa água não é água, mas ondas.
Ondas de consciência, ondas de Energia.
Esse Ponto Quatorze é Urano, o regente de Aquário.
Ou se quiser, um ET, um extraterrestre.

 

  Viagem Interior

Na plena Luz do Sol, na plena Luz da sua consciência,
você chama uma consciência alheia,
uma inteligência alheia mas amiga,
alheia, mas muito próxima de você pela maneira de ser.
Você chama um ET.
Um leve tremer no ar anuncia sua chegada.
Você sente a presença,
a presença de alguém,
de alguém que é muito alguém.
Sentindo essa poderosa presença,
focalizando sua percepção.
Olhando... olhando essa esfera de Luz.
Olhando essa esfera de consciência.
Você está se desipnotizando.
Está se livrando do hipnotismo da forma humana,
vestindo um corpo de Luz, vestindo seu Eu Superior.
Você é você, uma esfera de consciência.
O ET leva você através da galáxia.
Consciência viajando no espaço entre as estrelas.
Viajando no espaço inter-galáctico, até
uma outra galáxia.
Até a galáxia central.
Mais profundo no centro do Universo.
O ET levou você até o lago da Energia primordial.
O lago das águas profundas que não são águas,
desse lago de onde emergem imagens, arquétipos.
Emergem objetos, planetas estrelas, Deuses.
Emergem Deuses desconhecidos.
Você está no lugar onde emerge o Universo.
O lugar que nutre o Universo de Energia e Poder.
Dessas águas emerge seu corpo humano, perfeito,
como você quer que ele esteja.
E você veste esse corpo maravilhoso.
Dessas águas emerge um outro corpo que veste o ET.
Dessas águas emerge uma jarra, que o ET pega.
Ele oferece essa jarra a você, para beber.
Beber um pouco, apenas um pouco dessa água divina.
Com respeito, você coloca seus lábios na boca da jarra
e bebe um pouco, saboreando o sabor delicioso.
Se delicia em sentir uma gostosa, tranqüila, tremenda Energia
fluir através do seu corpo inteiro.
Uma maravilhosa Energia está fluindo em você,
deliciando-se em você.
A inspiração está fluindo em você.
E você cria, do Nada, um Universo,
seu Universo.
O Universo da sua vida.
Você cria sua vida cotidiana como você quer que ela esteja.
Você agradece ao ET,
Sentindo como ele está próximo de você.
Você poderá chamá-lo quando quiser,
quando precisar, para se lembrar.
Lembrar-se de quem você é:
uma consciência nem limitada pelo espaço, nem pelo tempo.
Uma consciência livre de tirar do Nada, Sem Causa,
uma causa nova que vai modificar tudo.
Você está embaixo da grande cachoeira de Luz que vem de cima,a grande cachoeira de Luz que vem do lago primordial, que vem aqui e agora do lago da Energia primordial, da consciência.

  Comentário


Subir ao mais alto permite descer ao mais profundo.
Para poder descer aos infernos, os xamãs vão para os Céus.
Podemos descer às profundezas.
Nelas se escondem os segredos, a memória do Universo, os Arquivos Akashicos.
Quanto aos ETs, existem?
Você sabe.
Talvez você até se lembre.
Talvez se lembre de Atlantida.

PLANETAS INVISÍVEIS

Para enxergar Urano e Netuno, precisamos de um telescópio. Plutão é longe demais. Além de um telescópio, para vê-lo, precisamos de uma chapa fotográfica. Esses planetas são invisíveis a olho nu. Correspondem a faculdades supra conscientes. Supra conscientes, então inconscientes, atuando de maneira cega, perigosa. Não é muito fácil ser de Escorpião, Peixes ou Aquário: esses signos são regidos pelos planetas supra conscientes. Porém, podemos alcançar, conscientemente, o supra consciente e, conscientemente, usar faculdades superiores. Nosso Eu Superior corresponde a Urano, Netuno e Plutão.


  A Viagem Interior Planetária

D.K Saudo a Todos os Grandes Seres da Hierarquia de Aquário do Planeta Urano.

URANO

Urano é um planeta excêntrico, fora das normas. Seu eixo de rotação esta muito inclinado sobre o plano da eclíptica, dando assim a impressão de ser retrógrado.
Seus satélites gravitam em sentido contrário a todos os astros do sistema solar.
Urano rege criatividade, independência, liberdade. Invisível, além de Saturno, além da forma, além da limitação, Infinito.
Urano, na mitologia grega era o Deus criador, e seu nome significa Céu: o vazio, o Infinito.
Os astrólogos dizem que Saturno é a prisão.
Os alquimistas concordam, mas dizem que Saturno é também a chave da prisão.
Para alcançar a órbita de Urano, é preciso passar pela órbita de Saturno.
Para se desipnotizar da ilusão das limitações materiais e emocionais, basta atingir Urano.
Para dominar o subconsciente, precisa e basta chegar a Urano, e recuperar assim a dimensão infinita de nossa consciência original.
Urano está além das formas, além do carma, além das causas. Usá-lo é fácil: basta decidir sem causa, criar, tirar do Nada.
O segredo da criatividade é simples, cabe em duas palavras: “Do Nada”.
Ou se preferir: “Sem Causa.
Nosso mundo interior é feito desse infinito
:

A Viagem Interior

Deixe, deixe sua imaginação sonhar.
Deixe sua imaginação alçar vôo.


 

Deixe sua imaginação, sua sensibilidade imaginar
Na Luz do Sol, em plena Luz da sua consciência,
imagine seu Eu Superior, na forma de uma esfera de Luz,
um pouco acima da sua cabeça.
Elevando-se, localizando-se dentro dessa esfera de Luz irradiante,
a Luz irradiante que você é.
A Luz que você é está subindo,
pela sua própria leveza, subindo, subindo.

Subindo ao longo de uma cachoeira de Luz que vem do mais alto.
Subindo ao longo da maravilhosa cachoeira de Luz,
até chegar ao oceano de Luz de cima.
Você é você, Luz, fluindo no oceano infinito da Luz.

Você é um oceano de Luz, até o Infinito.
Um oceano de consciência.
O oceano de consciência que você é.

Na imensidão de você, focalize o centro do Universo,
o centro onde tudo começa,
onde tudo está sempre começando.
Escutando a música, a Energia que emana de você,
a Energia que cria as estrelas, as galáxias,
essa música que vem do silêncio abismal.
Desse Nada emana o Universo.
Sem Causa, Sem Causa.

Do Nada, você deixa emergir um planeta.
Criando a Terra.
Um lago de água tranqüila, límpida,
onde se refletem as árvores.

Onde se reflete o vôo dos pássaros.
Na beira do lago as flores estão florescendo.
E para nadar nessa água, nessa música,
você veste seu corpo humano,

para nadar nessa água,
onde se refletem a Via Láctea e as galáxias.

Tirando do Nada um profundo sentimento de felicidade,
focalize sua vida quotidiana,

deixe esse imenso prazer de viver permear sua vida quotidiana,
sem causa esse prazer de viver,
esse prazer sem limites,
essa felicidade sem causa,
infinita, que não depende de nada,
que se alegra por si própria,
nasce de si própria,
se encanta,
a felicidade de ser você,

ser você, ser você.
 

Comentário

Urano representa o primeiro nível do mundo espiritual verdadeiro. No plano físico está muito longe. Será? Sua órbita encerra todos os planetas visíveis. O mundo material inteiro está contido na esfera de Urano. Na Realidade, não há distância nenhuma,  estamos dentro de sua esfera.

As capacidades supra conscientes, que chamo de Urano, são feitas para serem usadas na vida quotidiana, de maneira prática, concreta, para obter resultados materiais. Por exemplo: ser feliz. E podemos ser felizes Sem Causa. Basta decidir ser feliz, Sem Causa. Você estará usando a técnica que o Divino usa para criar o Universo. Essa técnica funciona: cria o Universo. Essa felicidade Sem Causa, que você tira do Nada, logo vai se materializar, de maneira natural, em acontecimentos muito concretos e muito felizes: é a lei do Universo. O Universo foi feito assim. Do Nada podemos, com facilidade, tirar soluções novas, imprevistas, para resolver problemas que pareciam sem solução.

Urano, o Criador

Escondida atrás de qualquer acontecimento encontra-se a causa verdadeira: a consciência, a Realidade.  O que acontece é uma conseqüência. A causa  material  é  apenas  o efeito duma causa anterior, sutil e por isso invisível e extremamente poderosa.

Alguém sofreu uma profunda dor, por exemplo foi abandonado pela pessoa que amava. Para não  mais sofrer, desesperado, decide: "Nunca mais ! Nunca mais vou passar por isso. Nunca mais vou ser vitima duma situação parecida. Nunca mais terei uma relação de amor, dói demais!" Passa o tempo. Esquece esse grito de dor, essa decisão. Mas a decisão não deixa de existir, se esconde na noite escura do inconsciente, e cegamente age para protegé-lo. Criou dentro de si uma entidade, uma inteligência hipnotizada. O "Nunca Mais" vai o impedir de perceber quando ama e é amado, e de vidas para vidas sofrera a frustração de não ser amado.

Decidimos, e acontece, para o pior, ou para o melhor. Fazemos isso o tempo tudo, tão rápido que já esquecemos.

Podemos fazer isso de propósito. É uma decisão verdadeira, Sem Causa, livre de qualquer condicionamento, criando o futuro que queremos, lá onde o futuro esta se programando, em nosso mundo interior:

Urano, Decidir

Imagine sua consciência como um Sol,
iluminando uma floresta, um lugar de poder

perto duma cachoeira.

Na Luz do Sol da sua consciência, olhe para seu Eu Superior.

A Luz se torna intensa,

um oceano de Luz.

Você já é você, você já é o Eu Superior que você é,

o Oceano de Luz que você é,

o Oceano de Luz que se estende além de tudo.

 Você decide: "Eu sou feliz, Sem Causa.

Minha felicidade é livre, Sem Causa, estende-se além de tudo."

A música que você é,
o oceano de música que você é,
se estende além de tudo.

A imensidão.

 Você tirou a felicidade do Nada,

você usa a técnica que o Divino usou para criar o Universo.

E você pode sentir como essa felicidade já vai se materializar

em acontecimentos felizes,

como é natural.

É a lei, a lei do Universo.

O Universo é feito assim, de felicidade.

 Você decide, é uma Decisão,

Decide: "Limpo minha memória de qualquer emoção negativa,

limpo minha memória de qualquer trauma.

E você está sentindo um vento de Luz

soprar através da imensidão do seu mundo interior,

um vento de Luz que vem do Infinito,

soprando bem-estar no seu mundo interior.

Um vento de Luz que traz leveza, prazer, encanto, poder, simplicidade,

um vento de Luz iluminando seu mundo profundo,

um vento de Luz percorrendo os imensos corredores da sua memória,

memorizando prazer, bem-estar, leveza.

A leveza do vento, o Poder do Infinito esta soprando na sua vida,

um vento de música ecoando através dos corredores da sua memória,

memorizando-se.

 Você decide, é uma Decisão, decide olhar no seu mundo interior

e percebe aí milhares de linhas, bilhões de linhas de Energia,

de ciclos de repetição,
de conhecimentos, de tecnologias,
de poderes, de capacidades.

No seu mundo interior você descobre
a própria memória do Universo.

 Você decide, é uma Decisão,

decide: "Em qualquer momento da minha vida
vou receber as informações necessárias,

vai aflorar o talento apropriado,
de maneira natural, espontânea, com prazer,

uso o Poder do Universo dentro de mim."

E você pode sentir no seu corpo físico essa imensidão
que usa um corpo humano

para se manifestar, para fazer acontecer.

 
 

Comentário

Quando sua decisão é um "feeling", um sentir, ou apenas uma imagem, já acontece no plano astral e já estão se programando as condições de uma realização. Quando seu corpo físico está também envolvido, quando a sensação desce até o corpo físico, entrando assim em sintonia com o plano material, a materialização não vai demorar.

A Magia é fácil. Basta ser realista, atuar no mundo real: espiritual, astral e material, e assim começar antes do começo, do Nada, sem causa, criar uma forma astral, uma imagem, uma sensação que vai tocar o mundo material.

ANTERIOR - CONTEÚDO - PRÓXIMO




O texto original é encontrado com toda a nossa gratidão em:
Descubra seu Lado Infinito