Viagem Interior  Pager

  O Ponto Oito

O Ponto Oito corresponde ao signo de Libra, ao signo da beleza do por do sol. Corresponde a Deusa da Felicidade.


  Viagem Interior

Você pode se imaginar num jardim,
se sentir andando num jardim
respirando o perfume da primavera
esse perfume de flores desabrochando,
respirando a sutil energia que as flores destilam
nesse momento de tremenda beleza do pôr do sol,
esse perfume sutil acariciando seu corpo
despertando esse encanto natural em você.
Esse encanto de ser você.
Sentindo a beleza do pôr do sol nos seus cabelos
acariciando seus cabelos
a sutil energia do pôr do sol
iluminando seus cabelos,
seu rosto, seus braços
suas pernas,
esse perfume de beleza fluindo em você
fluindo no seu corpo
com prazer
a sutil energia da beleza se alegrando em você.
Vênus, a deusa da felicidade se alegrando em você.
Vênus, a deusa em você, a deusa se deliciando.
A sutil e poderosa energia da beleza
fluindo no seu pescoço,
na sua voz.
A magia misteriosa da sua voz,
a sutil energia de Vênus no seu tom de voz,
esse desejo de cantar,
esse cantar que canta no seu corpo inteiro,
esse amor da vida se deliciando no seu corpo,
esse prazer,
essa vida terrestre, divina.
Enquanto você começa a olhar com os olhos de Vênus,
a beleza em toda a parte,
sentindo com a divina sensualidade de Vênus
a beleza da vida,
o encanto, a beleza,
enquanto seu mundo profundo memoriza
essa energia sutil
esse prazer em todas as células do seu corpo,
esse prazer de ser você.


  A Viagem Interior Planetária

D.K Saudo a Todos os Grandes Seres da Hierarquia de Touro e Libra do Planeta Venus.

 

  Vênus é uma deusa, uma expressão divina do Divino. Para compreender Vênus, precisamos compreender com todo nosso Ser:

 

Viagem Interior  

Pela graça do sonhar, de repente
você esta no Templo natural da Natureza,

no Templo das árvores,
no Templo dos pássaros,
no Templo do Sol.

Irradiando Luz solar, andando com prazer na mata virgem,
você descobre o Templo natural de Vênus,
o templo das árvores, das plantas, das flores,
da brisa leve que vem do mar, da beleza do pôr do Sol.
Uma mulher de uma profunda beleza aparece e vem cumprimentar você.
Admirando a graça dos seus movimentos,
o misterioso sorriso,
as ondas dos seus cabelos,
o prazer de viver que emana do seu corpo,
sentindo a encantadora simpatia irradiando dela para você,
você sabe: Ela é a Deusa,
a Deusa da Natureza, da beleza natural, divina, espontânea.
Ela convida você para passear com Ela,
quer mostrar a você a beleza natural da Realidade.
Ela oferece uma fruta a você, o prazer de saborear uma fruta.
A fruta é deliciosa.
Em companhia dEla, andando na beleza da mata, você respira esse ar leve,
o prazer de respirar esse ar cheio de emanações vegetais, de perfumes de folhas,
de perfumes de madeira, de perfumes de terra.

Você está chegando perto de uma lagoa, aproximando-se.
Ela convida você para olhar no espelho da água.
Inclinando-se, você pode admirar o rosto de Vênus no espelho da água,
sim, o rosto de Vênus, seu próprio rosto,
você,
seu rosto de felicidade, o encanto.
Ela convida você para nadar.
Com prazer você tira suas roupas,
nu/a mergulha na água límpida,
sentindo a água deliciosa fluir ao longo do seu corpo,
a carícia divina da água,
o prazer de tocar, de sentir,
o prazer de viver.
O prazer de viver essa vida divina nesse divino corpo humano,
nessa água divina,
nesse Paraíso terrestre.
Você se sente feliz como uma criança.

De repente, você é um nenê.
A Deusa pega você no colo.
A Deusa dá o seio e
você está mamando o leite da vida, o leite da Deusa.
O leite da felicidade. O leite divino do bem-estar.
E você se abandona nos braços da Deusa,
em total segurança, nos braços dEla.
Com total confiança na vida, no prazer de viver, sentindo:
"O Universo me ama, o Paraíso terrestre me ama."
Crescendo nesse amor, você de novo se torna adulto/a.
O leite de Vênus está em você.
O olhar de Vênus está em você, você olha com os olhos de Vênus.
Basta olhar, e as árvores mortas se cobrem de flores.
 

Comentário

Quando a mãe tem seu/sua nenê nos braços, quando ela o/a amamenta, o/a nenê se sente nos braços da Deusa, sente-se nos braços do Universo. Sabe que é amado/a, tão amado/a pelo Universo, com tanto carinho. Ele/a está memorizando uma tremenda segurança afetiva. Adulto, saberá amar, saberá ser amado/a. Amará a vida, amará tudo o que fizer, será gente. Será competente em tudo o que fizer, porque terá uma percepção viva, autêntica, do seu valor. Amará. Amar não é um dever, é um prazer. Saberá ser feliz e transmitir felicidade aos outros. Será o que é: essa obra divina que é um ser humano. Cristo sabia disso. Cristo não dizia: "Vocês são pecadores, não valem nada". Cristo dizia: "vocês são Deuses. Vocês são o templo do Mais Alto".

ANTERIOR - CONTEÚDO - PRÓXIMO




O texto original é encontrado com toda a nossa gratidão em:
Descubra seu Lado Infinito