Serápis Bey

O Mestre Ascenso Serápis Bey é o Senhor (Chohan) do Quarto Raio (branco) e Hierarca do Templo da Ascensão em Luxor, no Egito. Conhecido como o grande disciplinador, ele examina e prepara candidatos para a ascensão.

 

Luxor

No século dezenove, Serápis Bey trabalhou junto a El Morya, Kuthumi, Djwal Kul e outros Mestres para fundar a Sociedade Teosófica. A nota chave de Serápis Bey é "Celeste Aída", de Verdi, e a nota chave do seu retiro etérico é "Liebestraum", de Liszt. Serápis encarnou como sumo sacerdote no templo da ascensão na Atlântida, há mais de 11.500 anos. Ele foi o faraó egípcio Amenotep III, 1417-1379 a.C., chamado "o Magnífico". Ele levou o Egito ao seu auge, com prestígio diplomático, prosperidade e paz.

Serápis Bey e um Chela

Sua intensa atividade na construção de monumentos, palácios e templos, inclui Luxor, construído com a intenção de corresponder ao esboço da estrutura do corpo humano. Estudos aprofundados de sua arquitetura revelam que este templo, como um todo, explica muitas das funções secretas de órgãos e centros nervosos do corpo humano
Serápis encarnou também como Leônidas, rei de Esparta. Cerca de 480 a.C., com somente trezentos soldados, ele resistiu ao avanço do vasto exército persa de Xerxes, num hercúleo esforço de resistência na batalha das Termópilas. Embora tenha sido eventualmente vencido, sua luta até o último homem é celebrada na literatura como um exemplo antológico de heroísmo face à uma desvantagem esmagadora.

  

Serápis Bey ascendeu cerca de 400 a.C. Em 1967, o Mestre Ascenso Serápis Bey ditou o livro "Dossiê sobre a Ascensão" : A História da Alma rumo à Consciência Superior na Senda da Iniciação, que foi registrado pelo Mensageiro Mark L. Prophet. Neste livro, Serápis oferece profundas respostas às questões sobre a vida depois da morte. Ele delineia passo a passo a forma de seguir os adeptos do Oriente e Ocidente, inclusive Jesus Cristo, que foram candidatos na escola de mistérios de Luxor, no Egito, submetendo-se às iniciações da Esfinge e da Grande Pirâmide. Serápis ensina a viver a vida na plenitude do aqui e agora, e a ascender (acelerar) conscientemente para a realidade mais elevada que é a realidade eterna da alma.



Volte a Homepage.

Back