Mestra Magda

   Santa Maria Madalena

 
Julho


 

Santa Maria Madalena era natural de Magdala, na Galiléia. Era uma das mulheres que proviam às necessidades de Jesus. Acompanhou Jesus em sua paixão, crucifixão e estava presente em seu sepultamento. Foi testemunha do sepulcro vazio. Jesus ressucitado apareceu-lhe: Maria estava junto ao sepulcro, de fora, chorando. Enquanto chorava, inclinou-se para o interior do sepulcro e viu dois anjos, vestidos de branco, sentados no lugar onde o corpo de Jesus fora colocado, um à cabeceira e outro aos pés. Disseram-lhe então: "Mulher, por quê choras?" Ela lhes diz: "Levaram o meu Senhor e não sei onde o colocaram!" Dizendo isso, voltou-se e viu Jesus de pé. Mas não sabia que era Jesus. Jesus lhe diz: "Mulher, por quê choras? A quem procuras?" Pensando ser ele o jardineiro, ela lhe diz: "Senhor, se foste tu que o levaste, dize-me onde o puseste e eu o irei buscar!" Diz-lhe, Jesus: "Maria!" Voltando-se, ela diz em hebraico: "Rabbuni!", que quer dizer "Mestre".
Jesus disse-lhe: «Não Me detenhas, porque ainda não subi para o Pai. Vai ter com os meus irmãos e diz-lhes que vou subir para o meu Pai e vosso Pai, para o meu Deus e vosso Deus».
Maria Madalena foi anunciar aos discípulos: «Vi o Senhor». E contou-lhes o que Ele lhe tinha dito.
Maria Madalena, juntamente com Maria, a Mãe de Jesus, é um exemplo de fidelidade e coragem no seguimento de Jesus.

 


Santa Maria Madalena

       "Seus numerosos pecados lhe estão perdoados, porque ela demonstrou muito amor"
Jesus e Santa Maria Madalena
Jesus e Santa Maria Madalena

Oração


    

         Prece à Maria, presença e testemunha da vida

 



 

"Luminosa, a aurora desperta e o triunfo de Cristo anuncia. Tu, porém, amorosa, procuras ver e ungir o seu Corpo, ó Maria. Quando o buscas, correndo ansiosa, vês o anjo envolvido em luz forte; ele diz que o Senhor está vivo e quebrou as cadeias da morte. Mas o amor tão intenso prepara, para ti, recompensa maior: crês falar com algum jardineiro, quando escutas a voz do Senhor. Estiveste de pé junto à cruz, com a Virgem das Dores unida; testemunha e primeira enviada és agora do Mestre da vida. Bela flor de Magdala, ferida pelo amor da divina verdade, faze arder o fiel coração com o fogo de tal caridade. Dai-nos, Cristo, imitarmos Maria em amor tão intenso, também, para um dia nos céus entoarmos vossa glória nos séculos. Amém."

 


Oração a Santa Maria Madalena

 

"Santa Maria Madalena, vós que ouvistes da boca de Jesus estas palavras: "Muito lhe foi perdoado porque muito amou... vai em paz, os teus pecados estão perdoados", alcançai-me de Deus o perdão dos meus erros e pecados, deixai-me participar do ardente amor que inflamou o vosso coração, para que eu seja capaz de seguir a Cristo até o Calvário, se for preciso; e assim, mais cedo ou mais tarde, tenha a felicidade de abraçar e beijar os pés do divino Mestre. Como Jesus ressuscitado vos chamou pelo nome: "Maria!" ele chame também pelo meu nome... e eu nunca mais me desvie de seu amor, com recaídas nos erros do meu passado."

 

 

Santa Maria Madalena, eu vos peço esta graça, por Cristo Nosso Senhor.Amém.

 

Santa Maria Madalena vê Jesus
Santa Maria Madalena vê Jesus

ORAÇÃO COLECTA

 

Senhor, que, na vossa infinita bondade,
quisestes que Maria Madalena fosse a primeira
a receber do vosso Filho
a missão de anunciar a alegria pascal,
concedei-nos, por sua intercessão,
que, seguindo o seu exemplo,
anunciemos a Cristo ressuscitado
e O contemplemos no reino da glória.

A minha alma tem sede do Deus vivo

 


 

Maria Madalena, quando chegou ao sepulcro e não encontrou lá o corpo do Senhor, julgou que alguém O tinha levado e foi avisar os discípulos. Estes vieram também ao sepulcro, viram e acreditaram no que essa mulher lhes dissera. Destes está escrito logo a seguir: E regressaram os discípulos para sua casa. E depois acrescenta-se: Maria, porém, estava cá fora, junto do sepulcro, a chorar. Estes factos levam-nos a considerar a grandeza do amor que inflamava a alma desta mulher, que não se afastava do sepulcro do Senhor, mesmo depois de se terem afastado os discípulos. Procurava a quem não encontrava, chorava enquanto buscava e, abrasada no fogo do amor, sentia a ardente saudade d’Aquele que pensava ter-lhe sido roubado. Por isso, só ela O viu então, porque só ela ficou a procurá-l’O. Na verdade, a eficácia das boas obras está na perseverança, como afirma também a voz da Verdade: Quem perseverar até ao fim será salvo. Começou a buscar e não encontrou; continuou a procurar e finalmente encontrou. Os desejos foram aumentando com a espera e fizeram que chegasse a encontrar. Porque os desejos santos crescem com a demora; mas os que esfriam com a dilação não são desejos autênticos. Todas as pessoas que chegaram à verdade, conseguiram-no porque lhe dedicaram um amor ardente. Por isso afirmou David: A minha alma tem sede do Deus vivo; quando irei contemplar a face de Deus? Por isso também diz a Igreja no Cântico dos Cânticos: Estou ferida pelo amor. E ainda: A minha alma desfalece. Mulher, porque choras? Quem procuras? É interrogada sobre a causa da sua dor, para que aumente o seu desejo e, ao mencionar ela o nome de quem procurava, mais se inflame no amor que Lhe tem. Disse-lhe Jesus: Maria! Depois de a ter tratado pelo nome comum de «mulher», sem que ela O tenha reconhecido, chamou-a pelo nome próprio. Foi como se lhe dissesse abertamente: «Reconhece Aquele que te conhece a ti. Não é de modo genérico que te conheço, mas pessoalmente». Por isso Maria, ao ser chamada pelo seu nome, reconhece quem lhe falou; e imediatamente lhe chama «Rabbúni», isto é, «Mestre». Era Ele a quem procurava externamente e era Ele quem a ensinava interiormente a procurá-l’O.


Volte a Home