O Golfinho

 

Ter como animal de poder um golfinho é um privilégio. Permite lidar com o mar, com Netuno, com o sem forma, o infinito, a dimensão espiritual do Mundo. No quotidiano ajuda a lidar com as emoções. Vamos encontrar o golfinho no mar do nosso Mundo Interior:

Viagem Interior

Com o olhar da sua imaginação,
com toda sua sensibilidade,
lembre-se dum barco no mar,
imagine-se num barco no meio do oceano,
se deliciando de respirar a brisa
carregada de aromas salinos,
admirando a dança da luz nas ondas,
sentindo a brisa acarriciar seus cabelos,
seu rosto, seus braços, suas pernas.
Aqui esta o Templo do Mar,
esse Templo da imensidão da água,
esse Templo sem forma, sem limites,
o Templo da água sensivel,
a água que sente o minimo sopro de vento,
sente a carricia do Sol,
devaneia com a Lua,
recebe a luz das estrelas.
Aqui esta o poderoso Templo das Tempestades,
o Templo das emoções violentas,
como o Templo onde se delicia
a luz do dia
até explodir na tranquila beleza do por do Sol.
Para entrar nas profundezas do Templo
você chama um grande amigo,
seu animal de poder,
o golfinho.
Você veste um corpo de golfinho
para entrar no mar dos sentimentos,
no mar das emoções,
brincar no mar,
se alegrar, se divertir de inteligência
no mar da sua alma.
Se diverte de chamar uma tempestade,
e mergulha nas profundezas.
Nas profundezas da sua alma
tudo é tranquilo, sempre.
Nas profundezas da sua alma
tudo é tranquilo, sempre.
Sempre.
Com essa tranquilidade profunda
você sobe
se deliciando de nadar
no mar tranquilo da manha
quando a luz do dia se desperta
nas ondas leves,
nadar no mar sereno da manha,
no mar do dia
e do entardecer.

            anterior.gif (1189 bytes)            proximo.gif (1194 bytes)




O texto original é encontrado com toda a nossa gratidão em:
Descubra seu Lado Infinito