O Desconhecido

Todos nos, apesar de ser fascinados pelo desconhecido, temos medo do desconhecido. Temos medo de mudar, preferindo um estado talvez até doloroso mas conhecido a um estado muito melhor, mas desconhecido. Aprendemos, fomos treinados a saber, e quando não sabemos nos sentimos sem recursos. Não temos mais referências, estamos perdidos numa mata perigosa, selvagem. Fugimos do sucesso, rejeitamos talentos que temos mas não tivemos usado.

Tudo isso porque usamos apenas a metade esquerda do nosso cérebro, a metade racional que pensa em palavras. Pensar em palavras, em definições, é pensar com o passado, impedindo o contato direto com a qualidade única do momento presente.

Usando conscientemente a metade direita do nosso cérebro, conscientemente sentindo, percebendo, podemos nos aventurar no desconhecido sem medo, porque vamos perceber diretamente onde estamos indo, e ser avisados quando entrar num caminho errado.

Não é por isso que vamos rejeitar as palavras nem o lado esquerdo do nosso cérebro, pelo contrário vamos usar palavras para focalizar com precisão nossa percepção.

Para nosso mundo interior compreender e se programar, vamos usar símbolos:

Viagem interior

Você esta entrando numa floresta desconhecida, respirando com prazer
esse ar sutil do desconhecido
,
inspirando a brisa que vem da mata,
a brisa da aventura.
Deixe as vozes do desconhecido
falar com você, inspirar você.
Sinta, perceba. Avance.
Você não pode se perder:
você percebe,
percebe o caminho,
percebe diretamente a realidade,
você esta usando o poder máximo: a Realidade.
Sim, o caminho é misterioso.
Todos os caminhos são misteriosos,
cercados de noite,
mas se iluminam quando você avança.
Mais você avança,
mais você conhece.
Mais você pode.
Assim, com prazer,
você caminha,
deixando o próprio caminho despertar
mais e mais poder em você,
esse poder verdadeiro,
o poder de realizar o que é maravilhoso,
o poder de ser quem você é em plenitude.
Por aonde você olha tudo esta desconhecido,
misterioso, secreto,
até o conhecido esta cercado de noite
e até sua própria casa
esta construída da luz do dia e do luar da noite,
no encanto,
até sua própria casa
onde pelas janelas entra a luz das estrelas,
sua própria casa contem o Universo inteiro,
a própria substância da sua casa é secreta, desconhecida, astral, espiritual, material,
como você, como você.
Como você, sua casa é infinita.

 

Comentário

As crianças (porque não foram ainda limitadas pelo saber) tem esse senso do mistério, percebem diretamente a realidade e sabem manipular os adultos de maneira surpreendente. Sabem manipular essas pessoas misteriosas que são os adultos. Não perdemos esse poder, apenas esquecemos de o usar
Não estou aconselhando a manipular as pessoas

INDICE - PRÓXIMO




O texto original é encontrado com toda a nossa gratidão em:
Descubra seu Lado Infinito