O Chohan do Sétimo Raio



O 69º D-Graal "AYAM"

" AYAM nos faz descobrir que a Luz vem da nossa femininidade." Colocada em nós é também símbolo da nossa Sombra e da nossa dualidade. Diz-nos que a Luz que ilumina-nos e leva-nos a Iluminação passa pela porta da nossa mãe interna e pela mãe que nos gera e a Terra que nos conduz a encarnação. Femininidade exprime-se pelo amor do olhar que temos sobre nós.

AYAM nos traz o amor de nós mesmos a nós mesmos, de nos dar a Deus. Volta-nos a dar a memória da Luz, a memória do dia onde aceitamos a encarnação para melhor reencontrar a Luz.
Permite-nos compreender que a encarnação é ligada ao seu estado de iluminação e que Vida significa Luz e Iluminação. O feminino toma então a sua importância e irradia a sua intuição e sua receptividade nos planos sutis.

AYAM conduz a abertura da visão pelo seu lado feminino que ilumina para o Pai, que faz aceitar o Pai em nós e o regresso para Ele. Conduz-nos a reencontrar o amor da visão pelo que Ele porta e conduz. Permite-nos reencontrar a visão de Deus pelo amor e o serviço. Abre a porta do Terceiro Olho conduzindo a visão do conhecimento e das Leis Cósmicas.

AYAM permite a integração deste novo sentido e permite geri-lo com os dois hemisférios do nosso cérebro, símbolos das nossas duas polaridades e símbolos do equilíbrio da visão e a sua interpretação justa. Frequentemente, face as visões do Terceiro Olho enganamo-nos, quando da nossa interpretação, deve-se ao desequilíbrio dos dois hemisférios ou das duas polaridades localizadas no corpo.

AYAM fala-nos de visão integrada na Matéria, em equilíbrio com o Céu e a Terra e não vista através do prisma que deforma a personalidade ou o ego.
Fala-nos também de orgulho que representa um elemento importante de distorção da visão do real.

AYAM faz-nos igualmente trabalhar sobre as passagens na ilusão para melhor encontrar a Luz nos nossos corações. AYAM intregra todo equilíbrio entre as energias existentes, para que cada um reencontre o que o pertence, que o amor e a Luz intregrem toda energia ao seu justo lugar. Se perdermos algo, podemos pedir a AYAM porque o perdemos e como podemos reencontrá-lo. Explicar-nos-á como reencontrar o equilíbrio."

"AYAM"

"Eu Sou o Amor do Deus Pai e do Deus Mãe."
Eu Sou o Equilíbrio do Pai Divino e da Mãe Divina dentro de vocês.
Eu Sou o que permite atingir a Consciência de ser no interior de vocês.
Eu Sou o que traz a Unidade em vocês.
Eu Sou o que faz tomar consciência da sua bipolaridade para melhor a abandonar.
Eu Sou a Doçura do Pai encarnada no Amor da Mãe.
Eu Sou a Ternura da Mãe encarnada na vontade do Pai.
Eu Sou o que diz: "foste, és e serás de toda eternidade.
Eu Sou a riqueza nos seus desejos do que representa,
a Imagem de Deus no seu mundo.
Eu Sou o Sorriso de Deus que os olha através da Mãe.
Eu Sou o que diz: "Você está lá, ama."
Porque no Amor reside a Consciência,
reside a Presença,
reside Deus."
Eu Sou o que conduz o Caminho.
Eu Sou o que os mostra que a única via do Serviço é o Amor,
o Amor de vocês mesmos primeiro,
o Amor do outro seguidamente.
Eu Sou o Equilíbrio do Pai e da Mãe.
Eu Sou AYAM, eu te bendigo."



---


Volte a Homepage