chama violeta  Pager
07.20.02
   
 
 
 
Estudo das Cores da Aura

Aura Azul - Amor Interactivo

   O Azul personifica as características do cuidado e do carinho. É a cor da aura do indivíduo que mais se preocupa em ajudar os outros. Se o indivíduo de aura dourado-azulada descobre o sentido da própria vida junto à comunidade, o de aura azul dá valor à prestação de serviços aos indivíduos.

Servir é uma forma de altruísmo, uma doação de si. É a arte de antecipar as necessidades de outros seres humanos e satisfazer essas necessidades, mas permitindo que os indivíduos mantenham sua dignidade.
Ao fazer uma gentileza para um vizinho ou um ato de caridade para um paciente, o indivíduo de aura azul se sente realizado, valorizado e digno; descobre formas de viver através da doação.

O maior desafio para ele é descobrir o que precisa para ser feliz, e então realizá-lo. Como está sempre a serviço dos outros, dedica muito pouco tempo e presta muito pouca atenção às atividades voltadas para seu próprio crescimento espiritual, material e emocional. Por isso, precisa aprender a dizer "não", e manter-se firme. Ele precisa imitar o sábio cozinheiro que separa uma porção da massa para poder fermentar o pão do dia seguinte. Dessa forma, ele pode manter seu poder pessoal. Precisa aprender a administrar seus recursos internos regulando-os e usando parte de seu tempo e energia para se renovar.

ABORDAGEM DA REALIDADE FÍSICA:
GOSTO PELO CONFORTO

O indivíduo de aura azul não considera a realidade física algo recomendável. Para ele, a realidade é suja, dura e feia. Mesmo uma cena idílica descortinada do alto de um morro, quando vista de perto fervilha de insetos nojentos. Ele tende a viver na realidade das emoções e dos sentimentos, mais reais para ele do que o meio ambiente externo.

Deixado por conta própria, o indivíduo de aura azul não se importa de forma especial com exercícios ou atividades físicas vigorosas e fatigantes. Isso o deixa acalorado e suado, uma experiência muito desagradável. Contudo aprecia muito os esportes com um componente de camaradagem, como vôlei, futebol e outros jogos de equipe, ou mesmo atividades com um componente de graça e beleza, como andar a cavalo, nadar, dançar. Gosta de caminhar, como uma forma de se aproximar da natureza ou de estar com amigos ao ar livre. Exercícios que incluem um alongamento delicado, com uma atmosfera menos febril que a aeróbica, são os que mais lhe atraem, como o Tai-Chi-Chuan ou o Yoga. Esportes de resistência, que exigem um condicionamento físico constante, não o atraem em nada, pois considera o tempo de atenção dispensado a si próprio como narcisista e excessivo.

Costuma, em geral, ser do tipo endomórfico - a imagem física da "Mãe Terra". Engorda com facilidade, sobretudo de forma localizada, principalmente depois de ter filhos, no caso da mulher. Numa época que tanta ênfase se dá às dietas, exercícios, figuras esbeltas e sem quadris, o indivíduo de aura azul está em desvantagem estética.
Normalmente bem cheia, particularmente depois da menopausa, as mulheres de aura azul precisam entender que sua beleza reside na capacidade de cuidar a apoiar os outros, e em sua personalidade agradável.

Para os homens de aura azul, a maior dificuldade está em corresponder àquilo que nossa sociedade compreende como "ser masculino"; o homem de aura azul é acima de tudo um ser feminino, o que não interfere, necessariamente, em sua sexualidade, mas o aproxima de valores não muito estimulados no universo "do homem". Isso pode criar alguma dificuldade até a pessoa aprender a respeitar seu próprio modelo sem se sentir inadequada.

ATITUDES MENTAIS:
VISÃO SUBJETIVA DO MUNDO

O maior dom do indivíduo de aura azul é sua intuição altamente desenvolvida. É muito sensível às vibrações emocionais dos outros, verdadeiramente uma pessoa empática. Mas, para ele, é muito difícil de traduzir em informações úteis o que sabe de maneira intuitiva. No processo de tomada de decisão, emoções, sentimentos e intuições em geral não recebem a mesma consideração que fatos e números, no mundo em que vivemos. Por isso ele em geral se sente menos capaz que as outras pessoas quando se trata de fazer uma contribuição "intelectual". A capacidade de coletar, selecionar, armazenar e recompor informações é uma capacidade adquirida, que ele precisa aprender, principalmente por meio do treino do próprio pensamento crítico.

Como todos os indivíduos de auras da família espiritual, o de aura azul pensa de maneira holística. Apreende todas as partes de uma discussão ou modelo decisório ao mesmo tempo, percebendo os resultados e suas consequências, determinando e avaliando causa e efeito, mantendo sempre em aberto as opções alternativas.

Se o indivíduo de aura verde pensa de maneira binária, separando e comparando opções na bifurcação de cada possível escolha na árvore binária, o de aura azul agarra-se à árvore toda, nunca deixando escapar qualquer das opções potenciais. Como o de aura azul tem todas as soluções alternativas ao mesmo tempo, não é de estranhar que tenha dificuldade em explicar o que sabe, ou mesmo tomar decisões. O de aura azul pode atolar-se em detalhes sem saber para onde está indo ou o que deve fazer. O talento mais importante que ele pode adquirir é aprender a focalizar, a eliminar todas as questões e os interesses que não têm uma pertinência imediata com o problema em pauta.

Na escola, o indivíduo de aura azul vai bem nas matérias que enfatizam muito a intuição ou os sentimentos: literatura, redação criativa, arte e teatro. As que exigem uma abordagem linear, como a matemática ou as ciências exatas, ensinam a memorizar, a organizar e a construir hierarquias. Estas são as matérias que o ajudam a lidar com os dados do mundo real. É frustrante para ele saber a resposta de um problema de matemática e não saber como chegou a ela.

Embora seja altamente emotivo e muitas vezes se prejudique com isso, o indivíduo de aura azul pode se sair bem nos negócios, em especial nos que têm um componente do servir e que lhe permite se relacionar intimamente com outras pessoas. Ele é capaz de tomar decisões, só que é mais lento e mais deliberado que as outras pessoas. Falta-lhe a capacidade de organização do indivíduo de aura dourada ou do de aura verde, ou mesmo o ego forte do de aura violeta, como também não compreende bem o distanciamento frio do de aura índigo.

O indivíduo de aura azul precisa inventar sistemas para lidar com situações de negócios, e que lhe concedam tempo suficiente para trabalhar em seu próprio ritmo. Ele precisa de três a sete dias para tomar uma decisão muito importante. Dado esse tempo, espaço e tranquilidade, ele chegará a decisões acertadas e bem elaboradas que ele assume com firmeza. Para se sentir bem no plano emocional, precisa que todas as propostas e as reclamações sejam postas no papel, pois isso lhe dá a oportunidade de separar os sentimentos da acção e de criar uma solução que possa sustentar.

O indivíduo de aura azul pesa bem todos os fatores que precisam ser considerados em qualquer tomada de decisão: compromissos anteriores, necessidades próprias e da família, os méritos do projeto e o resultado almejado. Quando se vê diante de empregadores e clientes que exigem decisões imediatas, ele procura validade dos motivos e exigências deles antes de tomar qualquer atitude. Costuma considerar os reveses dos negócios como uma questão pessoal. No mundo dos indivíduos de auras das cores mentais, tudo no princípio é uma idéia; no mundo do de aura azul, tudo é, no princípio, uma emoção. Reconhecer seus sentimentos e estar disposto a ir em frente apesar deles é o que lhe permite atuar com sucesso no mundo dos negócios.

O maior bem é seu envolvimento emocional. Isso faz parte de seus processos afetivos e mentais - ele vê o potencial inerente às boas idéias, e quer ajudar os outros a atingirem seus objetivos. Qualquer idéia, projeto ou indivíduo ao qual ele se liga é realmente afortunado.
Quando assume um compromisso, seja lá qual for, o indivíduo de aura azul é de absoluta confiança.

CONSTITUIÇÃO EMOCIONAL:
O DOMÍNIO DAS EMOÇÕES

O azul é a cor da energia feminina e reflete de maneira única um aspecto próprio dessa energia - a capacidade de entrar em contato com os sentimentos e expressá-los. O indivíduo de aura azul entende o mundo mais através de suas emoções do que de sensações físicas, como é o caso do se aura amarela e do de aura dourado-esverdeada. Amor, ódio, esperança, desespero - esses são os fatos da vida cotidiana do indivíduo de aura azul. As emoções são a base de suas decisões e atitudes.

Esta capacidade de agir partindo de um centro emocional é a maior qualidade que ele possui, mas também pode ser seu maior defeito. Ele quer amar e cuidar dos outros, e quer ser visto como uma pessoa amorosa, solícita, bondosa e útil. O defeito aparece quando a confusão emocional turva os fatos de uma situação, impedindo-o de tomar a melhor decisão.. É incapaz de discernir com justiça e objetividade quando está envolvido pelo próprio emocional intenso.

Por ser tão sensível e perceber indícios não-verbais dos humores dos outros, o indivíduo de aura azul não é reconhecido pelo que sabe. Cônjuges e empregadores que usam uma abordagem mais racional, costumam questionar sobre os dados que ele dispõe para sustentar sua opinião. Como os dados em geral são os sentimentos, costumam ser desprezados como irrelevantes, pouco específicos e pouco científicos. Em nossa sociedade, o conhecimento intuitivo do indivíduo de aura azul às vezes é desconcertante e pode parecer sem importância para os que têm uma perspectiva mais intelectual. Entretanto, em áreas da vida nas quais o dom específico é necessário e os cuidados essenciais para a manutenção do bem-estar da família e da comunidade, ele é considerado necessário e valioso.

O indivíduo de aura azul adora gente. Servir aos outros é o trabalho de sua vida. Seu bem-estar se constitui em satisfazer as necessidades daqueles a quem ama, e tudo isso tem um objetivo: ser amado em troca.
Falamos aqui de um amor condicional. Tais cuidados que o aura azul dispensa aos outros podem ir desde atitudes práticas até conselhos. Um dos perigos para ele é que seus amigos e familiares passem a achar que ele não fez mais do que sua obrigação, e que se pode contar com ele a qualquer hora. E, na verdade, podem mesmo! Com sua vontade de ajudar os outros, ele se deixa usar, não conseguindo pedir nada em troca, pensando que os outros são tão sensíveis quanto ele. Isso faz com que ele tenha a sensação de que seus esforços não são reconhecidos, e por isso mesmo alguns indivíduos de aura azul se magoam com tanta facilidade e até mesmo entram no perigoso comportamento de vítima.

Para combater esta situação, ele precisa ser muito mais determinado. Deve aprender a colocar limites no seu servir, a comunicar suas expectativas com clareza e tomar atitudes quando seus pedidos de gratificação não forem concedidos, e ele souber que os merece. Em resumo, precisa adquirir a capacidade de fazer comunicados objetivos, racionais. Quanto mais faz o comportamento de vítima, mais sofre, o que o leva a uma grande sensação de futilidade. Esse ciclo depressivo faz com que ele recorra a uma série de reclamações, às vezes reais, às vezes imaginárias e exageradas, sendo a perda da auto-estima e do respeito próprio a mais séria de todas elas.

Algumas vezes, o indivíduo de aura azul precisa reconhecer que suas necessidades são tão importantes quanto as dos outros. Precisa aprender a cuidar de si mesmo e a dar atenção a si mesmo, ao invés de esperar tais cuidados e atenções da parte dos outros.

Tem grande necessidade de alimentar o lado emocional de sua personalidade. Manter um diário, escrever, ler, ouvir música, desfrutar momentos de solidão ou um tempo ao ar livre, estar com amigos e ser ouvido são actividades que ajudam. Sem a oportunidade de pôr em ordem a confusão de seus sentimentos, ele irá se colocar numa situação insustentável de emoções sem resolução.

O indivíduo de aura azul expressa suas emoções com a linguagem do riso e das lágrimas, e ambos vêm à tona com facilidade e rapidez, às vezes para seu grande embaraço.
Não é necessariamente afetado, mas sim motivado à liberação espontânea de uma emoção abafada que, se ficar embutida, pode causar problemas físicos, como dor de cabeça.

Para o indivíduo de aura azul a linguagem é um veículo pobre para expressar a textura e a rica profundidade daquilo que lhe vai no íntimo. O pôr-do-sol, a música sacra, a companhia da pessoa amada tocam-no lá no fundo. Quando se une com seu parceiro, fica tão tomado pela emoção da experiência que às vezes expressa sua alegria e felicidade com lágrimas.

O indivíduo de aura azul também chora quando fica com raiva. Ao contrário do que se diz, não usa as lágrimas como um dispositivo de manipulação para fazer as coisas ao seu modo. Em geral, sua primeira expressão é sempre emocional, sobretudo em situações difíceis - raiva, ira, frustração e desamparo. Só depois é que passa para uma discussão mais racional da situação e procura resoluções alternativas.

O indivíduo de aura azul percebe a existência de uma lógica por trás de seus sentimentos. Não consegue explicar isso; só consegue sentir as emoções. Para ele, ignorar ou depreciar este aspecto de seu ser é abdicar de sua fonte de poder. Quando está em contato com seus sentimentos, entra em acção electrizado. Para ele, as emoções são a chave da interação humana, sem a qual nada vale a pena.

ESTILO SOCIAL:
ENTREGA E PARTILHA

O indivíduo de aura azul adora gente, e é adorado também. Gosta de cuidar e de ajudar os outros, muitas vezes a expensas de sua própria afetividade. Como expressão de seu amor, é frequente colocar as necessidades dos outros à frente das suas. Quando apreciado e reconhecido por esta contribuição, fica em paz e à vontade no mundo.
Sente-se mais feliz quando está se relacionando com seu parceiro amoroso, com os filhos e com os amigos. Cuidar das pessoas que ama não é nenhum sacrifício, nem apresenta nenhuma dificuldade para ele. Contudo a ingratidão é algo que ele não tolera.

Passa longas horas planejando atividades, eventos e gestos que expressem seu amor. Refeições especiais e festas de aniversário de arromba são algumas das formas que ele encontra para comunicar a profundidade de seus sentimentos a quem ama. Os feriados são especialmente importantes para ele, em particular as festas de fim de ano. Sendo tradicional, adora redescobrir as decorações favoritas da família, preparar as refeições tradicionais e vivenciar a calorosa intimidade da família e do lar. Os feriados que não têm essas características são frios, vazios e deprimentes: um período do ano que tem de ser suportado.

Um indivíduo de aura azul adora dar e receber presentes. Escolhe-os e dá com o maior carinho e cuidado. Como parece Ter os pés bem firmes no chão, os outros muitas vezes lhe dão presentes práticos e úteis. Na verdade, nada excita mais o indivíduo de aura azul do que um presente que não ousaria comprar para si próprio: coisas geralmente supérfluas, mas que tenham a ver com estética.

Ele precisa tornar-se mais firme. Quando determina limites nas exigências emocionais, dele e dos outros, consegue tomar decisões e atitudes mais sábias. Ao perceber que tem direito à felicidade, pode proteger-se e evitar ser usado emocionalmente. A lição mais difícil para ele entender é que não se pode dar aos outros sem também dar a si mesmo.

PODER PESSOAL E ESTILO DE LIDERANÇA:
PODER CONSENSUAL

O indivíduo de aura azul é o líder da equipe na vida. Apoia, estimula e facilita o que pode para os outros. É mais hábil em papéis de liderança dividida do que em posições de responsabilidade centrada sobre si. É democrático, quer que todos participem, e divide as tarefas igualmente, com a intuição certeira de qual papel cabe para quem. Sabe também dar aquela "mãozinha extra" se necessário for.

Seu desafio mais difícil é a tomada de decisão conjunta. Ele quer considerar capacidades, atitudes, valores e necessidades emocionais dos outros, e isso nem sempre é prático. Pode perder muito tempo dando ouvidos aos queixumes infantis dos outros, e perder o senso do que é essencial. Na verdade, o objetivo de todo processo decisório do indivíduo de aura azul é o consenso. Desentendimentos, discussões em voz alta e conflitos de personalidade tornam muito difícil a vida para um líder de aura azul.

OPÇÕES FINANCEIRAS:
AMBIÇÃO PELA SIMPLICIDADE

Como as questões financeiras são processos essencialmente contábeis, o indivíduo de aura azul acha difícil ligar emoções com finanças. Sente que o dinheiro é algo estúpido, e não gosta de discutir essas questões.
Nos negócios, uma das coisas mais penosas para ele é falar de dinheiro. Pessoas e relacionamentos pessoais são muito mais importantes, na visão do ser de aura azul; o dinheiro é secundário. Por isso, eles precisam fazer acordos e contratos monetários com antecedência, a fim de ficar livre para interagir emocionalmente, que é o que faz melhor.

Costuma ser excelente administrador do dinheiro alheio. Leva a responsabilidade a sério: é confiável, frugal e prudente. No casamento e nos negócios, vê o dinheiro como posse de outra pessoa. Cuidadoso ao dispor de recursos, prefere não assumir grandes riscos. Assim como o indivíduo de aura dourado-azulada, se dá bem em investimentos seguros, como imóveis.

ESCOLHA PROFISSIONAL:
SERVIR PARA VENCER

O indivíduo de aura azul é tão bom ouvinte que muitas vezes se torna o conselheiro ou o terapeuta gratuito dos vizinhos. Está sempre disposto a ouvir cada capítulo dos traumas e das dores de cotovelo. Acha difícil agir objectivamente e não se envolver, e logo se surpreende tomando partido e ficando frustrado quando a pessoa não está tomando as devidas providências, porém com muita frequência descobre que foi apenas usado por um queixoso crônico que não tem a menor intenção de fazer alguma coisa em relação ao problema. Esta identificação emocional e falta de objectividade é que torna difícil para ele ser um bom terapeuta. Há empatia demais com o cliente. Controlando isso, a história é diferente.

Tradicionalmente, ele considera o trabalho fora de casa como uma segunda fonte de renda, e não necessariamente uma recompensa tangível por seus esforços e criatividade. Por causa disso, muitas vezes se surpreende mais em empregos do que em carreiras, para conseguir a chamada "estabilidade financeira"; em geral cargos públicos, ou mesmo como secretária, enfermeira, professora. Alguns indivíduos de aura azul conseguem, entretanto, trilhar por rumos mais ambiciosos, que envolvam projecção, mas é raro.

O indivíduo de aura azul está começando a entender a influência econômica das mulheres, e quer fazer parte desta dinâmica. Pode ser excelente na direção de recursos dinâmicos, na contabilidade, como representante de serviços oferecidos ao consumidor. Se sai melhor no poder compartilhado, ou com uma equipe de apoio interno. Não se sai bem em profissões como advocacia ou negociação de contratos, ou em qualquer coisa que exija o mascarar de sentimentos, como psiquiatria, medicina e psicoterapia.

Quando decide tornar-se empresário, deve ter um sócio ou parceiro que lhe dê apoio e esteja disposto a tratar dos detalhes legais e financeiros do negócio. Tem tanta vontade de ajudar as pessoas que corre o risco de esquecer de cobrar por seus serviços. Ter alguém para segurar essas pontas é essencial para ele.

ESPIRITUALIDADE:
A VISÃO DE DEUS COMO "AMOR"

A espiritualidade é a força motora do indivíduo de aura azul e de sua busca de uma relação profunda e inabalável com Deus. Para ele, Deus não é um ser antropomórfico, um homem sentado nas nuvens lançando relâmpagos aqui embaixo, mas um poder onipresente e amoroso, uma presença que dá direcção à sua vida.

A profundeza de sua espiritualidade e amor a Deus não é algo que ele consiga discutir facilmente com familiares e amigos, pois as emoções ligadas a Deus não são fáceis de traduzir. Não se baseiam em teologia ou dogma, lógica ou razão. É um sentimento de amor tão profundo que o deixa em lágrimas e sem voz de tanta maravilha e reverência.

O indivíduo de aura azul tem uma forte percepção divina. Vivencia, sente e conhece a Deus, em vez de intelectualizar seu conceito. Para ele, Deus não é uma idéia; é real, é conhecido através do amor, do conforto e da fé. Quando crianças, muitas pessoas de aura azul têm uma experiência transcendental com o divino. Por isso é que conhecem o Deus do Amor. Muitas delas não sentem que suas experiências religiosas tenham valor, nem recebem o apoio intelectual e espiritual de que precisam. Por isso passam grande parte da vida procurando um contexto, uma religião, um sistema de crenças suficientemente abrangente para conter o que já sabem já vivenciaram. Busca durante toda sua vida um lar espiritual, participando de várias religiões, na esperança de encontrar compreensão e abrigo onde crescer espiritualmente.

Participar de algum modo de uma prática espiritual organizada também é importante para ele. O cenário é tão importante quanto o culto, e ele se sente profundamente tocado por cerimônias rituais. Música, velas e orações alimentam sua alma. Lugares sagrados - seja qual for a religião que o santificou - são místicos e mágicos para ele. Pode ter experiências espirituais profundas tanto na igreja de sua cidade natal como no topo de Macchu Picchu.

O indivíduo de aura azul tem uma fé e uma confiança inabaláveis na força divina. Para ele, Deus é uma força real e presente. Por piores que as coisas estejam, mesmo assim consegue evocar a sensação de saber que tudo vai dar certo. Para ele, a oração é ativa - uma caminhada pelos bosques, os momentos de silêncio em casa, ou o trabalho solitário num projeto onde possa abrir-se para idéias e inspiração que lhe venham. Com as mãos ocupadas, a mente fica livre para vagar, para contemplar os mistérios da vida em toda a sua maravilha e complexidade.

O indivíduo de aura azul se realiza espiritualmente quando serve, porque, para ele, servir a quem ama é servir a Deus. Quando se doa aos outros, sente que está devolvendo uma parte do que recebeu de Deus. Para ele, a espiritualidade também precisa ter uma aplicação prática.


Volte a Homepage.